Instalação

As seguintes notas de lançamento para o instalador Anaconda e componentes relacionados foram retiradas da link:https://anaconda-installer.readthedocs.io/en/latest/release-notes.html#fedora-38[versão upstream].

Mudanças na interface gráfica

Tela de boas-vindas modernizada no Live CD

A tela de boas-vindas do Live CD foi alterada para seguir os padrões de design atuais, bem como para se ajustar melhor à interface baseada em GTK4. Consulte o link de pull request: #4616 para obter mais informações.

Configuração aprimorada de repositórios adicionais na GUI

A configuração de repositórios adicionais na interface gráfica do usuário foi aprimorada. A seleção de protocolo agora foi substituída por um menu suspenso de ações de fonte. A tela também mostra apenas opções de configuração relevantes para a ação de fonte selecionada. Consulte o link de pull request: #4498 para obter mais detalhes.

Os erros de fonte da instalação estão visíveis novamente

Anteriormente, erros relacionados ao conteúdo da tela Fonte de instalação não faziam com que a barra de mensagens de erro aparecesse na parte inferior da tela. Como consequência, os usuários não podiam revisar as mensagens de erro e corrigir imediatamente os erros na tela. A barra de mensagens de erro agora aparece corretamente quando ocorrem erros. Como resultado, os usuários podem notar erros imediatamente na tela Fonte de instalação e corrigi-los. Consulte a pull request #4501.

A tradução em japonês cabe em toda a tela

Anteriormente, usar o Anaconda em japonês fazia com que os elementos principais da tela usassem fontes maiores do que em outros idiomas. Como consequência, as configurações do usuário ficavam ocultas fora da área visível da tela e exigiam rolagem. O dimensionamento foi corrigido e os usuários japoneses agora podem ver novamente o ícone e a descrição das configurações do usuário, mesmo nos menores tamanhos de tela suportados. Veja a pull request #4325.

Mudanças de suporte a arquitetura e hardware

Não passa o argumento de inicialização rd.znet para o sistema instalado incondicionalmente

Com essa mudança, o argumento de inicialização rd.znet não é mais transmitido incondicionalmente ao sistema instalado em sistemas IBM Z e o dispositivo de rede é configurado e ativado após switchroot pelo udev/NetworkManager. Quando a rede é necessária no início do initramfs (como no caso do sistema de arquivos raiz no iSCSI), o rd.znet é automaticamente adicionado à linha de comando do kernel instalado por meio de um mecanismo diferente. Veja a pull request #4303.

As opções de inicialização dmraid e nodmraid foram removidas

As opções de inicialização inst.dmraid e inst.nodmraid foram removidas. Essas opções não controlavam mais nenhuma funcionalidade, depois que o Anaconda começou a usar mdadm em vez de dmraid. Consulte o link de pull request: #4517 e as alterações no Fedora relacionadas.

Verificação de partição Biosboot

A partição biosboot agora é verificada em todos os discos de destino de instalação. Isso melhora o suporte para inicialização a partir de um array. Consulte a pull request #4277.

Vários dispositivos bootloader na tela Particionamento manual

Com esta mudança, a interface gráfica exibe corretamente todos os dispositivos bootloader na tela de Particionamento Manual. Consulte a pull request #4271.

Alterações de carga útil

Adicionado suporte para contêineres nativos OSTree

O Fedora está adicionando um novo suporte aprimorado a contêineres para a pilha (rpm-)ostree para suportar nativamente contêineres OCI/Docker como um mecanismo de transporte e entrega de conteúdo do sistema operacional. O Anaconda agora suporta esses contêineres por meio de um novo comando de kickstart ostreecontainer. Veja a pull request #4617, Fedora Change e Pykickstart.

rpm-ostree agora valida somas de verificação para repositórios locais

Anteriormente, as instalações rpm-ostree verificavam somas de verificação apenas para instalações de um repositório remoto, enquanto as instalações de repositórios locais não verificavam as somas de verificação. Como consequência, as instalações do rpm-ostree a partir de repositórios locais poderiam instalar dados corrompidos sem qualquer indicação. Este comportamento agora está unificado e o Anaconda verifica as somas de verificação para todos os repositórios rpm-ostree. Como resultado, todas as instalações do rpm-ostree estão agora protegidas contra a instalação de dados corrompidos. Consulte a pull request #4357 para obter mais informações.

Suporte ao kickstart

A nova opção de kickstart autopart (…​) --hibernation cria uma partição swap com um tamanho determinado automaticamente que é grande o suficiente para hibernação. Veja a pull request #4275.

Alterações gerais

Despejos de núcleo mais rápidos

Anteriormente, o Anaconda usava uma configuração personalizada para lidar com tracebacks e salvar core dumps (despejos de núcleo). Isso agora é realizado usando o módulo Python faulthandler e o serviço systemd-coredump. Como resultado, os mesmos dados de depuração ainda estão disponíveis, enquanto o ambiente de instalação responde significativamente mais cedo após os rastreamentos. Como efeito colateral, os logs do Anaconda e do ambiente de instalação agora contêm mensagens de erro diferentes. Consulte a pull request #4350 para obter mais informações.

A UI Web do Anaconda agora está empacotada no Fedora

A equipe do Anaconda está trabalhando há algum tempo na nova interface Web UI para o instalador e para tornar esta Web UI em desenvolvimento mais acessível às pessoas, decidimos adicioná-lo como um novo pacote aos repositórios do Fedora. Para poder consumir esta Web UI, você precisa construir o ISO com o pacote da UI da Web e adicionar argumentos de inicialização do kernel inst.webui. Este pacote não está incluído nas imagens existentes do Fedora por padrão. Consulte a pull request #4269.