Inicializando a instalação

Este capítulo explicará como inicializar o instalador a partir da mídia local ou de um servidor de rede, bem como navegar no menu de inicialização e usar opções personalizadas.

Preparando para inicializar

Depois de criar uma unidade flash USB inicializável ou um CD ou DVD usando as etapas descritas em Preparando a mídia de inicialização, você está pronto para inicializar a instalação. Observe que as etapas descritas abaixo são genéricas e as etapas exatas variam um pouco dependendo do seu sistema - principalmente do fabricante da placa-mãe.

Não há mídia separada fornecida para sistemas BIOS e UEFI; todos eles podem inicializar a partir da mesma imagem ISO. No entanto, depois de instalar o Fedora, você não pode alternar entre UEFI e BIOS. O sistema deve ser executado no mesmo firmware em que foi instalado; se você, por exemplo, executar a instalação em um sistema UEFI no modo UEFI e, em seguida, alterná-lo para o modo de compatibilidade do BIOS, o Fedora não inicializará mais e exigirá uma reinstalação.

Fedora não tem suporte a inicialização UEFI para sistemas x86 de 32 bits. Apenas a inicialização do BIOS é compatível com esses sistemas.

Also note that Fedora only fully supports version 2.2 of the UEFI specification. Hardware that supports version 2.3 or later will boot and work normally, but the additional functionality defined by these later specifications will not be available. The UEFI specifications are available from http://www.uefi.org/specs/agreement/.

Para inicializar o instalador do Fedora, siga estas etapas:

Inicializando o instalador do Fedora
  1. Conecte a unidade USB de inicialização ou insira o CD ou DVD de inicialização na unidade de disco óptico do computador. Como alternativa, se você planeja inicializar a partir de um servidor de inicialização de rede (PXE), certifique-se de que o cabo de rede esteja conectado.

  2. Reinicie o sistema. Assim que iniciar a reinicialização, ele deverá exibir um prompt semelhante ao seguinte (geralmente na parte inferior da tela):

    Pressione F12 para selecionar o dispositivo de inicialização ou Del para entrar na CONFIGURAÇÃO

    Siga as instruções na tela para acessar o menu de inicialização. Se nenhuma instrução for exibida (alguns sistemas exibem apenas um logotipo gráfico durante os estágios iniciais da inicialização), tente pressionar F12, F11, F10 ou Del várias vezes; essas são as chaves mais comumente usadas. Observe que geralmente há uma janela de tempo muito curta fornecida para acessar o menu; assim que passar, você precisará reiniciar o sistema e tentar novamente.

    Alguns sistemas mais antigos podem não ter suporta à escolha de um dispositivo de inicialização na inicialização. Nesse caso, entre no SETUP do sistema (BIOS) e altere a ordem de inicialização padrão para que a mídia de inicialização (CD, DVD, USB ou rede) tenha prioridade mais alta do que os discos rígidos internos.

    No hardware do Mac, mantenha pressionada a tecla Opção para entrar no menu de seleção da mídia de inicialização.

  3. Quando o menu de inicialização do seu sistema abrir, selecione uma entrada como Boot from USB se você criou uma unidade USB inicializável,Boot from CD/DVD se você estiver usando um disco óptico para instalar Fedora ou Boot from PXE se você deseja inicializar de um local de rede.

  4. Aguarde até que o menu de inicialização seja exibido. O menu de inicialização é descrito posteriormente neste capítulo.

O menu de inicialização

Na maioria dos casos, quando você inicializa o instalador do Fedora a partir de sua mídia de inicialização ou servidor preparado, o menu de inicialização será a primeira coisa a aparecer. A partir deste menu, você pode iniciar a instalação real ou usar a mídia de inicialização para recuperar um sistema existente.

A aparência e função do menu de inicialização variam um pouco dependendo do firmware do sistema - os sistemas BIOS usam o carregador de inicialização SYSLINUX e os sistemas UEFI usam GRUB2. No entanto, os dois menus descritos a seguir funcionam de maneira muito semelhante, do ponto de vista do usuário.

Use as teclas de seta para selecionar uma entrada no menu e Enter para confirmar sua seleção. As duas primeiras entradas da lista continuarão com a instalação; o primeiro iniciará o instalador diretamente e o segundo verificará a integridade da mídia de inicialização antes de iniciar a instalação.

A entrada final na lista está Troubleshooting ; este é um submenu para solução de problemas. Selecionando esta entrada e pressionando Enter irá exibir um novo conjunto de seleções, onde você pode escolher instalar no modo gráfico básico (útil se você deseja fazer uma instalação gráfica manual, mas seu sistema tem problemas com o instalador gráfico padrão), recuperar um sistema existente ou testar os módulos de memória do sistema em busca de erros (apenas em sistemas BIOS). O menu de "troubleshooting" também permite que você saia do menu de inicialização e inicialize normalmente a partir do disco rígido do sistema através da opção Boot from local drive.

Cada entrada de menu na lista é um conjunto predefinido de opções de inicialização e essas opções podem ser personalizadas para alterar alguns aspectos do comportamento do instalador. Para editar o conjunto padrão de opções de inicialização, pressione Tab em sistemas BIOS ou e em sistemas UEFI. A chave a ser usada também é exibida na parte inferior da tela.

A edição das opções de inicialização em GRUB2 (em sistemas UEFI) exibirá toda a configuração da entrada selecionada. As opções reais de inicialização são configuradas na linha que começa com a palavra-chave linux (ou linux16 ou linuxefi). Não modifique nenhuma outra linha na configuração.

Em sistemas com firmware BIOS, apenas as opções de inicialização reais são exibidas quando você pressiona Tab.

Ao editar o conjunto padrão de opções, você pode alterar as existentes, bem como adicionar outras. Quando terminar, pressione Enter no BIOS ou Ctrl+X no UEFI para inicializar o instalador usando suas opções personalizadas.

O menu de inicialização.
Figure 1. Editando opções de inicialização em um sistema com firmware BIOS

Todas as opções de inicialização do Anaconda disponíveis são descritas em Opções de inicialização disponíveis.